A vida só tem um sentido, e o único sentido que a vida tem é quando investimos nossa vida na vida dos outros, ou quando encarnamos a luta dos outros como se ela fosse nossa, a luta do coletivo. Esta é a lida do Promotor de Justiça: lutar pela construção contínua da cidadania e da justiça social. O compromisso primordial do Ministério Público é a transformação, com justiça, da realidade social.


Pesquisar Acervo do Blog

Seguir por E-mail

Seguidores

28 de fevereiro de 2007

A Lenda


Conta a lenda que, quando Deus liberou para os homens o conhecimento sobre como ser Promotor de Justiça determinou que aquele "saber" iria ficar restrito a um grupo muito pequeno e selecionado. Mas, neste pequeno grupo, onde todos se achavam especiais, já havia aquele que iria trair as determinações divinas... Aí, aconteceu o pior!... Deus, bravo com a traição, resolveu fazer valer alguns mandamentos: Não terás vida pessoal, familiar ou sentimental. Não verás teu filho crescer. Não terás feriado, fins de semana ou qualquer outro tipo de folga. Terás gastrite, se tiveres sorte. Se for como os demais, terá úlcera. A pressa será teu único amigo e as suas refeições principais serão os lanches, as pizzas e o fast food. Teus cabelos ficarão brancos antes do tempo, isso se te sobrarem cabelos. Tua sanidade mental será posta em cheque antes que completes 5 anos de trabalho. Dormir será considerado período de folga, então, não dormirás. Trabalho será teu assunto preferido, talvez o único. 10º A garrafa de café será a tua melhor colega de trabalho, porém a cafeína não te fará mais efeito. 11º Happy hours serão excelentes oportunidades de ter algum tipo de contato com outras pessoas loucas como você. 12º Terás sonhos, com "processos" e "procedimentos", e não raro, resolverás os problemas de trabalho neste período de sono. 13º Exibirás olheiras como troféu de guerra. 14º A sociedade precisará de ti, mas não te aceitarás, tua mãe será a única pessoa que te compreenderás como tu és. 15º Mesmo que faças 99% certo, por um único erro terá tua carreira de Promotor de Justiça questionada. 16º E, o pior, inexplicavelmente, gostarás de tudo isso!

Bom dia aos colegas!

2 comentários:

Samurai disse...

Muito boa!

Anônimo disse...

Ótimo comentário, pois sou estudante de Direitoe AMO o Parquet,com certeza serei um Ombudsman do MPSP que seguirá os 16 mandamentos.

Postar um comentário

Atuação

Atuação

Contra a Corrupção

Dicionário

iDcionário Aulete

Cartilha do Jurado

Cartilha do Jurado
Clique na imagem. Depois de aberta, clique na parte inferior direita para folhear.

Você sabia?

Você sabia?

Paradigma

O Ministério Público que queremos e estamos edificando, pois, com férrea determinação e invulgar coragem, não é um Ministério Público acomodado à sombra das estruturas dominantes, acovardado, dócil e complacente com os poderosos, e intransigente e implacável somente com os fracos e débeis. Não é um Ministério Público burocrático, distante, insensível, fechado e recolhido em gabinetes refrigerados. Mas é um Ministério Público vibrante, desbravador, destemido, valente, valoroso, sensível aos movimentos, anseios e necessidades da nação brasileira. É um Ministério Público que caminha lado a lado com o cidadão pacato e honesto, misturando a nossa gente, auscultando os seus anseios, na busca incessante de Justiça Social. É um Ministério Público inflamado de uma ira santa, de uma rebeldia cívica, de uma cólera ética, contra todas as formas de opressão e de injustiça, contra a corrupção e a improbidade, contra os desmandos administrativos, contra a exclusão e a indigência. Um implacável protetor dos valores mais caros da sociedade brasileira. (GIACÓIA, Gilberto. Ministério Público Vocacionado. Revista Justitia, MPSP/APMP, n. 197, jul.-dez. 2007)