A vida só tem um sentido, e o único sentido que a vida tem é quando investimos nossa vida na vida dos outros, ou quando encarnamos a luta dos outros como se ela fosse nossa, a luta do coletivo. Esta é a lida do Promotor de Justiça: lutar pela construção contínua da cidadania e da justiça social. O compromisso primordial do Ministério Público é a transformação, com justiça, da realidade social.


Pesquisar Acervo do Blog

Seguir por E-mail

Seguidores

27 de janeiro de 2014

Violência no Brasil

 
O Mapa da Violência, realizado pelo Instituto Sangari é um estudo que traz um número assustador: 49.932 pessoas foram assassinadas no Brasil apenas em 2010. Em 30 anos foram mais de 1 milhão de pessoas mortas, o que representa um aumento de 259% (nessas últimas três décadas). Em 2013 continuamos a ostentar o absurdo número de 50 mil assassinatos. Números de guerra.

 ***

Número de pessoas assassinadas em 2010:

Região Norte: 5.927 mortes
  • Acre: 144
  • Amapá: 259
  • Amazonas: 1.067
  • Pará: 3.482
  • Rondônia: 541
  • Roraima: 123
  • Tocantins: 311
Região Nordeste: 18.073 mortes
  • Alagoas: 2.084
  • Bahia: 5.288
  • Ceará: 2.514
  • Maranhão: 1.478
  • Paraíba: 1.454
  • Pernambuco: 3.412
  • Piauí: 427
  • Rio Grande do Norte: 727
  • Sergipe: 689
Região Sudeste: 15.237 mortes
  • Espírito Santo: 1.761
  • Minas Gerais: 3.538
  • Rio de Janeiro: 4.193
  • São Paulo: 5.745
Região Sul: 6.454 mortes
  • Paraná: 3.588
  • Rio Grande do Sul: 2.061
  • Santa Catarina: 805
Região Centro-Oeste: 4.241 mortes
  • Distrito Federal: 880
  • Goiás: 1.766
  • Mato Grosso: 963
  • Mato Grosso do Sul: 632

Taxa de homicídio para cada 100 mil habitantes em 2010:

Região Norte
  • Acre: 19,6
  • Amapá: 38,7
  • Amazonas: 30,6
  • Pará: 45,9
  • Rondônia: 34,6
  • Roraima: 27,3
  • Tocantins: 22,5
Região Nordeste
  • Alagoas: 66,8
  • Bahia: 37,7
  • Ceará: 29,7
  • Maranhão: 22,5
  • Paraíba: 38,6
  • Pernambuco: 38,8
  • Piauí: 13,7
  • Rio Grande do Norte: 22,9
  • Sergipe: 33,3
Região Sudeste
  • Espírito Santo: 50,1
  • Minas Gerais: 18,1
  • Rio de Janeiro: 26,2
  • São Paulo: 13,9
Região Sul
  • Paraná: 34,4
  • Rio Grande do Sul: 19,3
  • Santa Catarina: 12,9
Região Centro-Oeste
  • Distrito Federal: 34,2
  • Goiás: 29,4
  • Mato Grosso: 31,7
  • Mato Grosso do Sul: 25,8

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atuação

Atuação

Contra a Corrupção

Dicionário

iDcionário Aulete

Cartilha do Jurado

Cartilha do Jurado
Clique na imagem. Depois de aberta, clique na parte inferior direita para folhear.

Você sabia?

Você sabia?

Paradigma

O Ministério Público que queremos e estamos edificando, pois, com férrea determinação e invulgar coragem, não é um Ministério Público acomodado à sombra das estruturas dominantes, acovardado, dócil e complacente com os poderosos, e intransigente e implacável somente com os fracos e débeis. Não é um Ministério Público burocrático, distante, insensível, fechado e recolhido em gabinetes refrigerados. Mas é um Ministério Público vibrante, desbravador, destemido, valente, valoroso, sensível aos movimentos, anseios e necessidades da nação brasileira. É um Ministério Público que caminha lado a lado com o cidadão pacato e honesto, misturando a nossa gente, auscultando os seus anseios, na busca incessante de Justiça Social. É um Ministério Público inflamado de uma ira santa, de uma rebeldia cívica, de uma cólera ética, contra todas as formas de opressão e de injustiça, contra a corrupção e a improbidade, contra os desmandos administrativos, contra a exclusão e a indigência. Um implacável protetor dos valores mais caros da sociedade brasileira. (GIACÓIA, Gilberto. Ministério Público Vocacionado. Revista Justitia, MPSP/APMP, n. 197, jul.-dez. 2007)